Com sua origem diretamente do Japão e da China, a cânfora que conhecemos é extraída da árvore canforeira, de nome científico Cinnamomum camphora, e é designada como um terpeno.

Terpenos são substâncias produzidas por vegetais, principalmente árvores. Não há certeza sobre qual é a sua função na natureza, mas devido ao seu aroma forte, acredita-se que ela serve para afastar insetos de comerem as suas folhas.

Historicamente, ela ficou conhecida por ser uma planta multifuncional quando o assunto era a medicina popular. Desde muito tempo atrás, ela começou a ser usada para inúmeros fins que beneficiavam a saúde das pessoas.

Hoje em dia, muitas empresas que trabalham com processos químicos, realizam a extração dessa matéria prima da árvore canforeira até ela se tornar o cristalzinho que conhecemos. Mas como ela se torna uma pedrinha branca? Olha só o passo a passo:

  1. Primeiro é necessário extrair o óleo da árvore de canforeira que só pode ser encontrado em países localizados no continente asiático;
  2. Depois disso, esse óleo é aquecido através do vapor e vai passando por diversas fases;
  3. Então ela é envolvida com cal e areia e assim é purificada em refinarias;
  4. Por fim, ela já se encontra no estado sólido e é cortada em pedaços que chamamos de pequenos cristais.

Muito interessante, não é mesmo? Agora que sabemos como a cânfora é fabricada, vamos dar uma olhada nos benefícios que ela pode oferecer para o bem-estar e a saúde das pessoas, listamos abaixo os mais populares:

  • A sua ação descongestionante que ajuda em tratamentos de doenças respiratórias, como bronquites, tosses e resfriados. O seu cheiro ajuda a reduzir a irritação da garganta, por exemplo, formando um revestimento nas superfícies internas dos órgãos respiratórios que melhora a respiração.

 

  • Outra forma de usar a cânfora, é adicionando-a em receitas caseiras de óleos massageadores. Ela é excelente para reduzir aquelas dores musculares chatas que ficam pelo corpo após um longo dia de trabalho e que se forem deixadas de lado podem causar artrite, por exemplo.

 

  • O cheiro forte da cânfora pode afastar mosquitos e insetos quando usado sobre a pele em produtos como os repelentes, que quase sempre tem essa matéria prima em sua composição.

 

  • A queima da cânfora é muito conhecida por fazer parte da cultura indiana. Eles acreditam que esse ato proporciona uma visão mais esclarecedora sobre a vida. No entanto, essa queima também é praticada com o intuito de purificar o ar e espantar mosquitos.

Pensando em todas essas funções que a cânfora pode oferecer, você com certeza deve estar imaginando como ela deve ser usada. Confira algumas de nossas receitas que tem essa matéria prima em sua composição e comece hoje a realizar o melhor do artesanato:

  • Óleo Doutorzinho

O Óleo de massagem Doutorzinho é indicado para quase todos os tipos de dores musculares e contusões, como torcicolos, pancadas, artrite, bursite, tendinite, mialgia, cansaço nas pernas, entre outros. Tem em sua formulação, o salicilato de metila que tem função analgésica e anti-inflamatória. Já o Mentol que também faz parte da fórmula do óleo doutorzinho, tem efeito analgésico e provoca frescor na pele. A cânfora é antisséptica e também ativa a circulação do sangue pela pele. O Óleo Doutorzinho não deve ser usado durante a gravidez, também devemos evitar contato com os olhos e boca.

Você vai precisar de:

  • 900ml de óleo mineral USP;
  • 50ml de salicilato de metila;
  • 20g de cânfora;
  • 20g de mentol.

Chegou a hora de preparar:

  1. Dissolva a cânfora e o mentol no salicilato de metila;
  2. Misture com o óleo mineral;
  3. Deixe macerar por um dia antes de usar.

Rendimento: 1L

 

  • Gel Redutor

O gel redutor é utilizado por esteticistas com a finalidade de queimar gordura localizada. Para ter eficácia no corpo, é necessário massagear o local com o gel.

Você vai precisar de:

  • 1kg de gel neutro;
  • 30ml de álcool de cereais;
  • 15g de mentol;
  • 15g de cânfora;
  • 50ml de extrato vegetal de algas marinhas;
  • Algumas gotas de corante cosmético à base de água.

Chegou a hora de preparar:

  1. Coloque em um recipiente o álcool de cereais. Acrescente a cânfora e o mentol e mexa bem até que se diluam completamente;
  2. Adicione o extrato vegetal de algas e deixe reservado;
  3. Em outro recipiente, coloque o gel e derrame a solução de álcool de cereais. Mexa bem até obter uma mistura homogênea;
  4. Acrescente algumas gotas de corante à base de água na cor azul ou verde.

Rendimento: 1kg

 

  • Neutralizador de Odores

O neutralizador de odores é ótimo para deixar a nossa casa cheirosinha e mandar embora qualquer aroma desagradável. Essa receita é uma dica indispensável para você tem bichinhos de estimação em casa e não sabe mais o que fazer para disfarçar o cheiro deles. O forte aroma da cânfora misturado com o cheirinho mentolado do mentol com certeza vai te ajudar na hora da limpeza!

Você vai precisar de:

  • 850ml de álcool de cereais
  • 50ml de essência de hortelã ou verbena
  • 20g de cânfora
  • 5g de mentol
  • 100ml de água
  • Algumas gotas de corante à base de água (opcional)

Chegou a hora de preparar:

  1. Colocar em um recipiente o álcool e em seguida dilua o mentol;
  2. Logo em seguida acrescente a cânfora, a essência e se desejar o corante na cor escolhida;
  3. Misture bem e coloque em um frasco com válvula spray.

Rendimento: 1L

Viu como é simples e fácil adicionar a cânfora no seu dia a dia e ter diversos benefícios? Você encontra aqui no Cantinho das Essências todos os materiais necessários, inclusive a cânfora, para fazer todas essas receitas.